sexta-feira, 22 de julho de 2011

Eu não digo coisas da boca pra fora. Se eu digo que gosto de algo, é porque gosto. Se eu digo que não estou bem, não é drama. Se eu digo que amo, é pra valer. Se eu odeio, eu falo mesmo. Não digo coisas para agradar as pessoas. Desculpa, mas falsidade não é comigo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário