quinta-feira, 4 de outubro de 2012

me julgo amada ao som da sua voz nos meus ouvidos, dizendo coisas lindas, poesias que para mim não precisam de rimas. e mais carinhos que completam aquilo que julgo ser conforto. mas diante dos acontecimentos tomo as rédeas dos carinhos e aconchegos para lhe servir um pouco de cuidados amorosos. meu colo pode ser bem melhor que qualquer remédio que você tomar. pode também ser bem mais confortável que seu travesseiro além, é claro, de ter o meu cheiro que tanto gostas. o calor das nossas mãos juntas reconforta aquela enorme saudade que sentimos durante toda semana. sem contar que estou esgotada de tantas falsas promessas. preciso das suas dizendo que em você sempre terei verdades e alívio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário