quinta-feira, 8 de novembro de 2012

dói ver o que se passou, as fotos, os momentos. dói ver o que aconteceu, o que se tornou. não é mais uma questão de obrigação, é questão de não entender a que ponto chega um ser humano sem a menor necessidade. eu só chego a escrever isso pois uma lágrima teimava em descer dos meus olhos. uma lágrima de tristeza por ver algo tão lindo simplesmente desaparecer. espero estar errada em alguns pensamentos meus. pois ainda tenho algo muito grande dentro de mim que me faz clamar por Deus todos os dias. para que Ele vá ao seu encontro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário