quarta-feira, 1 de maio de 2013

"Se pensas assim de mim não me procures... sentimentos vão, pessoas também...
Não pensos como achas que penso. eu imagino seu olhar, seu sorriso e todas aquelas risadas bobas que compartilhavas comigo.
Ainda penso em compartilhar. Tenho medo. era tão linda... sublime, te chamava irmã, te dava meu ombro...
Eu ainda a chamo... eu chamo por pensamento, orações, expectativas... mas...
Mas o que? 
Mas agora tens outras ocupações. nós prometíamos estar sempre juntas... onde quer que fosse... isso foi quebrado, tens outras flores para cuidar que não eu: uma simples rosa murcha, que já não resta muita pétalas...
Eu não sei o que dizer, permaneço na dúvida se devo te ver ou não... 
Queria deixar a dúvida para lá e promover logo o abraço... queria deixar tudo para trás para contigo ficar, pois não encontro rosas como você em nenhum lugar."

Mih Borges - poetizando a realidade

Nenhum comentário:

Postar um comentário