quarta-feira, 18 de junho de 2014

Chega de dizer que algo é certo ou errado. É claro que existem limites aceitáveis ou não, por exemplo, se tratando de respeito, de segurança e de algumas outras coisas as quais não me lembro agora. Mas em questões pessoais acredito que cada um é de um jeito e cada um escolhe o que vai ser, o que vai crer, o que vai amar enfim... livre arbítrio!!! O que importa é a felicidade, as boas coisas que vamos levar para o resto de nossas vidas. Cada ida e cada volta para casa, cada voo que o avião levanta me faz refletir sobre tudo o que tenho, tudo o que tive e o que ainda quero ter. Reflito sobre as pessoas que já conheci e o que cada uma acrescentou na minha vida. Hoje me vejo tão madura em relação a coisas que já disse ou pensei. Hoje me vejo outra pessoa e fico feliz em conseguir enxergar meus erros.
Hoje consigo beijar meu pai, consigo me emocionar por estar tendo cada momento perto das pessoas que amo e que deixei na minha cidade, consigo sorrir por ter coisas pequenas em meu novo lar em Cuiabá, faço minhas próprias escolhas sem consultar ninguém (o que pode ser até difícil em alguns momentos mas não impossível). 
Sonhos, vida, escolhas é tudo o que temos. Somente uma única vez. E podemos ser aquilo que quisermos ser. Tendo como base o amor ao próximo podemos alcançar o inatingível.

Nenhum comentário:

Postar um comentário