sábado, 26 de julho de 2014

tem dias que o dia é triste, a saudade é veneno, a chuva é pretexto e as lágrimas se confundem com ela. tem dia que suas decisões são testadas, seus sonhos se confundem, seu amor pesa, a distância fere, o dia perde a cor, a coberta vira acalento, a música vira sofrimento, uma foto vira saudade e parece que nunca vai se acabar. tem dia que tudo é muito difícil e nos vemos como mesquinhos. e nesses dias só queremos uma grande amizade para nos consolar, mas onde encontrá-la é a grande questão. tudo isso em um dia como o de hoje.

Nenhum comentário:

Postar um comentário