quarta-feira, 3 de setembro de 2014

cada vez é um baque maior
uma dor infinita
é algo que vem nos momentos mais solitários do dia
meu Deus, eu queria entender, 
juro que daria a minha vida para entender isso
de onde vem tudo
para onde vai
eu prometo
eu só queria compreender
se fosse meu último pedido a fazer
seria este
eu não consigo parar de amar...
mas eu sei que já não significo mais nada para você
sei que não há mais nada a fazer...
o dia que estava tão alegre
por um breve momento escureceu...

Nenhum comentário:

Postar um comentário