sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

Um ano se passou... tão rápido. É bom saber que nada mudou em casa. Sexta passada, dentro do avião eu já imaginava os abraços que receberia. Só de pensar, mesmo lá entre as nuvens, eu já me emocionava. Foram 6 meses longe de casa, longe de tudo o que mais amo, do meu porto seguro. Mas quando eu aterrizei as lágrimas se misturaram com as gotas da chuva que caia, como se o céu soubesse como aqueles encontros eram importantes. Que esses dias de férias passem lentamente...

Nenhum comentário:

Postar um comentário