terça-feira, 28 de agosto de 2018

Comecei a escrever de várias formas... apaguei.
O mundo já deu voltas e ainda estamos aqui: indagando o porquê de um fim...
ou talvez de um tempo que o universo nos pediu.
Ainda guardo as últimas palavras com um carinho imenso e uma esperança:
a de que um dia nos reencontremos e possamos partilhar de mais risadas.
Te trago nas orações e no meu eterno carinho
por tudo o que me ensinou
e continua me ensinando
mesmo não estando aqui perto...
nosso hoje é o amanhã de um tempo que ninguém desejou
ninguém planejou...

Nenhum comentário:

Postar um comentário