domingo, 19 de agosto de 2018

Nossos sonhos são como árvores: crescem para diversas direções!
Em todas as áreas da nossa vida, se assim pudéssemos compartimentalizá-la, temos ramos que vão crescendo, tentando alcançar algo. Quando somos frustrados nessa busca o galho se quebra ou é podado. Mesmo nesse processo temos a possibilidade de crescer, de buscar outras direções e modificar nossas convicções. A queda das folhas secas dão lugar à regeneração, às novas alternativas e ao começo de um novo ciclo. Vamos crescendo, fortificando as raízes, sentindo as diferentes brisas de cada uma das estações do ano... somos chamados à uma experimentação da vida visceral onde cada parte desta deve ser sentida com a alma, sonhada com garra e fortificada em coisas verdadeiras. O processo de crescimento, queda, experimentação, restabelecimento de harmonia interior é algo que vai acontecendo de forma natural - é a energia que flui em nós, que nos move como seres humanos ou... como árvores!

Nenhum comentário:

Postar um comentário