terça-feira, 6 de novembro de 2018

Tiro tudo o que há de externo e encontro algo precioso. É preciso despir-se de tantas e tantas amarras para se compreender o quanto é belo. Não existe uma explicação. Apenas duas almas. Olhando assim talvez seria mais fácil entender. Não podemos compreender os sentimentos com olhar exterior se o próprio ato de sentir é interno e impalpável. Amar às cegas é diferente de estar "cego de amor". Amor tem a ver com um universo particularmente nú e despretensioso, livre... Amar têm a ver com essência. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário